Palavras de apoio para pais de uma criança com autismo

Publicado em 5 de novembro de 2018

As crianças com autismo são afetadas por muitos fatores que moldarão o seu futuro. No geral, os resultados a longo prazo das crianças com Transtorno do Espectro Autista (TEA) variam muito, mas na média vêm melhorando nos últimos tempos. Como regra, quanto mais cedo o TEA é identificado, mais cedo os programas de intervenção apropriados podem começar.

Embora algumas crianças tenham ganhos significativos de desenvolvimento com intervenções precoces e intensas, outras crianças podem progredir lentamente, dependendo de sua inteligência, gravidade dos sintomas de TEA e se têm problemas médicos associados, como convulsões ou distúrbios comportamentais significativos.

O objetivo de todos os pais é ajudar seu filho a atingir todo o seu potencial com a ajuda de todos os recursos disponíveis. Entender que um filho tem autismo pode certamente mudar sua percepção do que você acha que poderia ser sua vida.

A família de uma criança autista pode ter que reestruturar suas prioridades e desenvolver novas habilidades de enfrentamento. E pode ter que mudar alguns de seus planos para o futuro.

Mas O lugar será de novos sonhos, novos objetivos e novas prioridades. A chave é encontrar maneiras de se adaptar e ajustar que atendam a família, suas necessidades e suas circunstâncias. Isso provavelmente não será fácil. Mas as pessoas muitas vezes encontrarão força internas e daqueles que os rodeiam para ter o sucesso que esperam.

Ao amar seu filho carinhosamente, a família será inspirada a fazer o que puder para aprender o máximo possível sobre TEA, para que também seja recompensado ao descobrir o que funciona para sua criança.

Saiba mais sobre Autismo:

https://goo.gl/NHbU8b
https://goo.gl/xHVZER
https://goo.gl/GE3ngz
https://goo.gl/GdNWHZ

Autor: Dr. José Luiz Setúbal

Fonte: Distúrbios do espectro do autismo: o que todo pai precisa saber (Copyright © American Academy of Pediatrics 2012) – Alan I. Rosenblatt, MD, FAAP, e Paul S. Carbone, MD, FAAP, editores

As informações contidas neste site não devem ser usadas como um substituto para o cuidado médico e orientação de seu pediatra. Pode haver variações no tratamento que o pediatra pode recomendar com base em fatos e circunstâncias

faça uma doação